À nossa diferença, um brinde.

Recentemente a youtuber Nikkie de Jager, do canal Nikkie Tutorials, assumiu ser uma mulher transgênero. O fato de assumir publicamente a sua sexualidade veio à tona depois de uma série de chantagens que a mesma vinha recebendo.

O caso surpreendeu muita gente, e Nikkie, em seu vídeo, disse aos seus seguidores que não queria que eles deixassem de confiar nela ou que a olhassem de forma diferente por estar se assumindo.

Quando eu soube do caso, pouca coisa passou na minha mente por um simples fato: o que isso muda?

Não acompanho o trabalho dela, mas já conhecia. Já tinha a visto no Instagram. E, é algo muito bom. Grandioso. Não seria sucesso se não fosse.

Uma série de pensamentos veio depois disso. Dentre eles como as pessoas conseguem ser julgadores na internet. Como se o código de conduta aceitável é a que elas escolhem. O que seríamos se todos nós tivéssemos os mesmos gostos? O que seríamos se fossemos completamente iguais?

Ser seguidor faz de você um condutor?

Eu não gosto de abacate, mas tem muita gente que gosta. Deveria eu pensar na extinção do abacate? Eu não tenho religião, mas muita gente tem. Devo pedir a extinção delas?

Nós chegamos aonde estamos por sermos diferentes. Isso em todos os lados. Seja pelo bem, pelo mal. A nossa história como seres humanos se deu pelo fato de sermos diferentes. E sempre vamos ser.

Você mesmo pode discordar de mim sobre esse texto. E louvados sejam os que discordam. A nossa visão só se amplia quando vemos outros mundos.

O que não podemos é aniquilar a liberdade (mas isso é assunto para outro texto).

Torço para que Nikkie consiga ainda mais sucesso e que seu trabalho continue inspirando as pessoas. E que seus malfeitores repensem sobre como levam as suas vidas.

Torço também para que, aqueles que sofrem com tantos julgamentos, tenham ainda mais força para ser o que os seus corações desejam que sejam.

E que nós, enquanto humanos, de carne e osso, tenhamos ainda mais coração.

À nossa diferença, um brinde.




Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.