Buscar
  • João Paulo Rodrigues

A vida é vidro

A vida é vidro.

Vidro que recebe várias pancadas. Algumas marcam, outras não.

Algumas surtem um imenso dano.


Tem vidro que é forte.

Que recebe inúmeras pedradas e continua inteiro.

Tem vidro que ao logo do tempo vai se tornando frágil devido ao barulho das tempestades.

Tem vidro que se quebra quando menos se espera.


Nós somos como copos.

Somos recipientes que carregam as doses do cotidiano.

Suportamos dores inimagináveis.

Às vezes rachamos, mas não quebramos.

E quando isso acontece é por que a utilidade do vidro ainda não acabou.


Por causa de rachaduras, ficamos de lado.

Por causa de marcas, às vezes não nos renovamos.

E acontece de se ver copos que esquecem que, em sua maioria, não convivem sozinho.


Nós somos fortes e frágeis.

Somos úteis e descartáveis.

Somos resistentes.

Devemos lembrar que alguns caminhos se seguem só.

Mas muitos deles são em par ou em grupo.

A vida é vidro.

Belo e inexplicável vidro.

Delicado e resistente vidro.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pontes